sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Um blog e seu baú de recordações

Luísa está fazendo sua autobiografia na escola, e a professora tem estimulado as crianças a resgatarem a sua breve, porém intensa, história de vida. E esta semana ela trouxe uma lição de casa que era escrever sobre lembranças de cada ano de vida dela. Claro que a memória dela ainda é muito curta - e a minha idem, sou um horror.
Minha ideia imediata foi recorrer aqui ao blog para lembrarmos de histórias e situações que pudessem fugir do óbvio. Geeeeente, foi tão emocionante Luísa vendo o blog agora maiorzinha (#aos7), lendo tudo e se divertindo com suas histórias de pequena! Pensei que ela talvez pudesse se incomodar ao ver que fiz tantos relatos íntimos por aqui, mas ao contrário, ela achou o máximo. Passamos horas sentadas relembrando histórias e vendo fotos dos primeiros anos de vida dela.
Então tudo isso é pra dizer que, mesmo que eu ande totalmente sumida daqui, o blog representará sempre um registro inigualável da infância das minhas filhas. Pena que não estou conseguindo fazer tantos registros da Rafa, mas acho que vou voltar a fazer isso de vez em quando . Para que ela também, daqui a alguns anos, possa se emocionar com tantas lembranças boas. (Facebook é bom pra ter resposta rápida das pessoas, mas tudo se perde depois, né?)

Nem sei se alguém ainda passa por aqui, já que ando tão sumida, mas fica aqui meu beijo enorme!!