segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Cara a Cara

Esse é o do meu tempo
Eu amava jogar Cara a Cara quando era criança. O jogo consiste em adivinhar a carta do adversário, então você vai fazendo perguntas sobre as características físicas do personagem e chega à resposta por eliminação. É mulher? Sim, então abaixa todos os homens. É loira? Usa óculos? Cabelo curto? E por aí vai. Super bacana.
E o legal é que esse jogo, assim como vários outros da minha infância, foi resgatado e hoje continua disponível no mercado. Luísa pediu de aniversário para a avó um Cara a Cara versão princesas e eu adorei a ideia. Porque jogos ajudam muito no desenvolvimento das crianças e, melhor ainda, envolvem a família toda na brincadeira. Ela amou o jogo - ontem acho que brincamos umas 13 vezes seguidas...

Mas tenho que dizer que fiquei horrorizada ao ver como caiu a qualidade do produto. No meu tempo, ter um brinquedo da Estrela significava ter coisa boa. Os produtos eram bons, bem acabados, duravam muito tempo sem quebrar. Ontem fui abrir o jogo da Luísa pra montar as peças e tomei um susto: peças frágeis, molengas, que ficam com resquícios do plástico quando você destaca da cartela. O papel vagabundo das cartas rasga já na hora de destacar. Quando você vai baixar uma das figuras, três ou quatro caem juntas porque estão grudadas pelos restinhos do plástico. A Estrela definitivamente já não é mais uma Brastemp.

PS. Ah, e hoje é o último dia do sorteio da Joanninha, aquele em que você pode ganhar um vale-presente de um mês daqueles brinquedos lindos de madeira que só a Joanninha tem. Aqui, ó

18 comentários:

Carol Garcia disse...

oi rô!
concordo com vc:
1- cara a cara era O jogo da minha infância e foi motivo de festa e de briga entre irmãos e primos desta família.
2- jogos são incrivelmente estimulantes para uma série de fatores importantes para os pequenos: estratégia, pensamento rapido, entendimento e respeitar a vez do outro.
3- os brinquedos da estrela estão péssimos em qualidade. judiação...

bjocas e ótima semana

Celi disse...

Ahhh cara a cara é muito bom! Adorava e sou super fã. Sempre sugeria para os meus alunos jogarem...
Quanto a qualidade realmente mudou muito. Agora, parece que é descartável. Lembro bem do jogo da minha época e de agora.
Mas independente disso, é muito divertido! As crianças adoram esse mistério e esse jogo de adivinhação.
Beijos

Mamãe disse...

Olá Roberta,
Também brinquei muito de cara a cara... Esses dias minha enteada quis o Detetive em 3D, também revivi os tempos da infância, adaptado há um pouco de tecnologias... rsrs Referente a qualidade dos brinquedos concordo totalmente...
Bjs

Fabiana Araújo
www.brenohenrique.com

Inês disse...

Rô,

A Valentina ama, jogamos quase todo dia e eu adoro também, mas também fiquei perplexa com a fragilidade das peças e a má qualidade do jogo, novinho já rasgou, as cartinhas saem do quadrinho, um horror !!!!!
bjs

Mari disse...

Eu comprei o cara a cara da grow, se nao me engano, com a turma da mônica e a qualidade não é das melhores também!!! Mas apesar disso é diversão certa para a familia inteira. As cças adoram jogar.

Sarah disse...

Também amava esse jogo! Ficava um tempão jogando com meu primo, era demais. Mas fiquei de cara com essa da qualidade! Putz! Reclamemos geral!
bjos
Sarah
http://maedobento.blogspot.com/

Beatriz Zogaib disse...

Puxa, que saudade de brincar de cara a cara!
Quem sabe um dia brincamos todas juntas? rsrs
Beijos
BIA
www.vidadamami.blogspot.com

Espere um pouquinho... disse...

Eu adorava brincar de Cara a cara quando criança e também gosto da idéia de unir a família em torno de uma brincadeira!
Quando a qualidade, na verdade eu havia percebido que tinha caido, o meu marido diz que não... mas realmente acho que não são feitos como antigamente!! Concordo com vc!
Beijosss

Renata Diniz disse...

Legal! Eu não conhecia. Beijos!

Renata disse...

Nossa, eu amava esse jogo. Aliás, eu AMO jogos e não vejo a hora do ANdré entrar nessa fase.
Já começamos com MICO e com JOGO DA MEMÖRIA e ele adora...vou introduzindo novos jogos e ele sempre gosta. E eu mais ainda...rsrs!
beijos

Renata disse...

Lembro quando caiu nas minhas mãos um cara a cara depois de adulta. Que delícia! Tomara que meus filhos se interessem por esse tipo de jogo, porque eu adoro!
E de fato a qualidade deixa a desejar (e o preço sempre lá em cima). Comprei tempos atrás uma barraquinha do cocoricó e fiquei decepcionada com a qualidade, a armação simplesmente não parava em pé. Tive que pedir pro meu pai faz-tudo arrumar, e ele acabou fazendo uma nova armação com canos de PVC. Na casa da minha mãe tem uma barraca igualzinha da Mônica, mas de uns 10 anos atrás, que resiste até a vendaval...
Beijos!

Coisas de mãe disse...

Oi Ro, tambem convordo com você. Tenho vários dos jogos da minha infancia (inclusive muitos deles na vesão original!!). Adoro bricnar de jogar!!

E concordo tambem que a qulidade dose muitos deles é muito ruizinha! BEm descartável!

Você viu que agora tem banco imobiliário com cartão de crédito? O Jogo da Vida também já vem numa nova versão com calculadora de juros...

Mundo moderno!!

beijos

Pati

Luciana - Descobertas disse...

Jogar é um momento de integração e de alegria entre família. Eu acho muito divertido também, além de para criança auxiliar no desenvolvimento. Meu pequeno ainda é muito pequeno para esses jogos, mas daqui a pouco vai dar certo.

Que pena que a qualidade baixou né!

Bjos

Juliana Ramos disse...

Eu AMO jogar "Cara a Cara"!!!

Só fiquei chateada outro dia porque descobri que o Edu não chama mais Edu, a Maria tem uma nome moderníssimo (esqueci agora qual é), e a Sônia, minha pedileta, tá com os lábios finos!!!

Sacanagem...

Bjo

Mãe de Duas disse...

Aqui a gente tem também (agora chama Adivinha Quem?, né?) e apesar de todos os cuidados já tem algumas partes de peças quebradas.
As meninas aqui brincam com o Playmobil que era do pai e é fácil notar a diferença de qualidade dos brinquedos mais velhos e estão na ativa há uns bons 30 anos e ainda dão super pro gasto!
Bjo
Pri

Roteiro Baby disse...

Eu tb ando decepcionada com a (#not) qualidade da Estrela ultimamente...

Jussara disse...

Eu amava esse jogo, acho que foi um dos meus preferidos, junto com uma caixa de 10 jogos que eu tinha, tb da Estrela (sempre detestei bonecas e casinha, então adorava jogos de tabuleiro e coisas do tipo, tudo que não fosse entediante, enfim).
O Cara a Cara eu não cheguei a ter, brincava com o dos outros, e talvez por isso me marcou. Não sabia que ainda existia.
Hoje já fazem as coisas mesmo pra não durar, que é pra gente comprar logo outra.

gabriela disse...

gosto tb do cabeça de batata.
sabe o que eu acho um absurdo? banco imobiliário com cartão de crédito! affff

bjbjbj

http://maeporacaso.spaceblog.com.br/