segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Dicas de cuidados com RNs parte 2

Agora, novas dicas com contribuição das queridjas leitoras:

A Andréia trouxe um ponto interessante: cuidado com as bolsas de água quente se a roupinha que o bebê está usando tiver botões de metal, pois eles esquentam com o calor podendo provocar queimaduras na pele do bebê. Ela fez um post sobre isso no blog dela, o Cantinho de Mãe. 

A Flavia, mãe do Arthur , lembrou que, quando formos utilizar o óleo de amêndoas para hidratar a pele ou massagear o bebê, que seja óleo 100% vegetal. “Os óleos Johnsons e similares são óleos sintéticos, ou seja, são feitos com produtos derivados de petroleo, que definitivamente não são ainda bons para os bebês. Os óleos 100% vegetais são mais caros, mas o mais adequado pra eles pra evitar, inclusive, alergias. A Weleda tem o óleo de Calendula 100% vegetal, que é ótimo e super cheirosinho.”

A Sarah e a Carol deram uma dica bem legal para mães de meninos: além da fralda sobre o trocador, elas aconselham a utilização da fralda tapa-pirulito (adorei, Sarah!): deixar uma fralda sobre o pipi do menino durante a troca para proteger das xixizadas voadoras enquanto pega a fralda descartável, pomada ou algodão.


A dica da Dani, mãe de Nina e gravidíssima de Alice, é uma clássica imbatível: tenham muitos bodies e calças avulças, daqueles de malha e bem confortáveis. Eu deixo essas peças na primeira gaveta da cômoda, inclusive, porque quando há “acidentes” durante a troca é só abrir a gaveta e pegar rapidinho. Ou então, como lembra a Raquel, mãe da Ana Luiza, experiente em bebê com refluxo, vale deixar sempre uma troca de roupa em cima da cômoda para facilitar a vida, especialmente de madrugada.

A Amanda lembra que a fraldinha de pano também serve pra fazer compressa na barriga quando não temos a bolsa de água quente ou de ervas. E a fraldinha pode ser passada a ferro ou também esquentada no microondas. Outra dica legal dela é a de mergulhar o sabonete líquido na banheira minutos antes de usar no bebê, assim fica quentinho (boa essa, hein!)

A Raquel destacou outro uso para o óleo de amêndoas além da hidratação e massagem: ele serve para passar na cabecinha do bebê quando começam aparecer aquelas casquinhas. “É só passar e puxar com o pente que sai aquela "craca" todinha.”
E, quando já tomarem mamadeira, vale mais uma dica dela: o ideal é ter pelo menos três e deixá-las lavadas e esterilizadas antes de dormir, para não corrermos o risco de ter que lavá-las de madrugada.
Outra boa também: ela recomenda deixar sempre uma toalha de banho no banheiro, já que, dependendo da dimensão do cocô, às vezes é preciso dar aquela “lavadinha básica”. Rafaela esses dias fez cocô na própria toalha de banho, enquanto eu estava enxugando as perninhas dela (ó que beleza). Daí voltei com ela pra banheira correndo e também não tinha toalha pra enxugar. Foi peladinha pro quarto pra eu poder pegar outra toalha.

Essa foi da Dani, do Mãe Perua: usar babadores já desde os tempos de recém-nascido. “Às vezes rola aquela golfadinha básica ou então um vazamento de leite, e é muito mais fácil trocar só o babador que toda a roupa”.

16 comentários:

Beca Bricio - Mulher que pariu disse...

Ah, boas todas essas dicas!!!!

Patrícia Boudakian disse...

Ótimas dicas... estou curtindo e guardando todas... afinal, mãe de primeiríssima viagem, né? beijos

Maya disse...

Mais diquinha ótimas!!
Gostei da dica da toalha extra no banheiro!!
bjos

Andréia Méro disse...

Roberta,
Lembrei de outra dica, principalmente para quem é mãe de menino. Para evitar xixi dentro da banheira coloco sempre o Marcos André em pé ainda de fralda dentro da água e vou tirando a fralda devagar. Acredite, é só ele molhar os pezinhos que automaticamente já vai fazendo xixi, então quando ele acaba eu tiro a fralda. Foi a solução para evitar as trocas de água da banheira por causa de xixi no banho.

Juliana disse...

Queria ter escrito antes, mas com o Tomás por perto nem sempre consigo fazer o que planejo. Básico! Essa dica eu aprendi com a babá Lucrécia do Tomás e mudou a minha vida (e a dele). É o jeito de colocar o body. Eu sempre coloquei o body pela cabeça, como se fosse uma camiseta, e ele sempre chorava como se o mundo fosse acabar. Ela me ensinou a vestir por baixo, como uma calça. E nossa vida mudou, os momentos no trocador são bem mais amenos. Aliás, eu amo a babá Lucrécia, ainda vou escrever um post no meu blog onenemdabarriga.blogspot.com só pra ela.

Bjos.

Mummy Brown disse...

Ótimas dicas, valeu!! Bjinhos

Carol Garcia disse...

menina...
as dicas são bárbaras e estão fazendo um bem enorme pro meu ego materno...
básico, já sabia/utilizo de grande parte delas e sem nunca ter tido "aula de filho", ter criando isaac sozinha com maridex junto só de noite, aprendendo na prática...
tô me achando.
hahahahahahahaha
bjo bjo bjo nas princesas

Rafaela, mamãe da Malu e da Milena!!! disse...

Dicas excelentes!!! Adorei!!!

Anna disse...

Pra que tem menino essa da toalhinha é fundamental.

Eles fazem xixi em parábola. Chega até na testa. rsss

beijos

Priscila disse...

Oi, Roberta
A Rafaela fez cocô na própria toalha? E a Duda que fez cocô umas duas vezes na banheira!??! Bem naquela fase em que o médico pedia que a água fosse filtrada e fervida. A solução foi correr pro chuveiro, mesmo... Rsrsrs.
Bjs.

Martha disse...

Eu não fiz curso e, apesar de minha mãe ter ficado comigo nos primeiros dias, não fiquei desesperada em nenhuma momento... E usei varias dessas dicas, mesmo sem saber... meio que por instinto..
Então, hehehe muito orgulho de mim!!!..
kkkkkk
Mas tem algumas q realmente eu nunca pensei e teriam me ajudado muito... quam sabe no proximo! Ah? oi?
Bjs

Martha disse...

Eu não fiz curso e, apesar de minha mãe ter ficado comigo nos primeiros dias, não fiquei desesperada em nenhuma momento... E usei varias dessas dicas, mesmo sem saber... meio que por instinto..
Então, hehehe muito orgulho de mim!!!..
kkkkkk
Mas tem algumas q realmente eu nunca pensei e teriam me ajudado muito... quam sabe no proximo! Ah? oi?
Bjs

Sarah disse...

Que legal essa troca de dicas! Adorei a ideia de usar o babador em RNs evitando precisar trocar a roupa inteira!
E a fralda extra pros meninos é essencial mesmo. Bento chegou a fazer xixi em mim, na avó, na parede... sobrou até pra cabeceira do berço!! Depois nunca mais troquei ele sem o tapa-pirulito, hahahah!
beijos

Beta, a mãe disse...

Além do babador eu uso também umas fraldinhas tipo Cremer pra quando a golfada é maior que o babador pode aguentar. Adoro essas fraldinhas.

Maura disse...

Adorei as dicas de ambos os posts!
Tá tudo registrado pra quando minha pequena Sophia nascer!
Um abraço,
Maura

Anônimo disse...

Sou mae de uma menina de 6 anos e agora espero para daqui ha 8 meses outro baby( nao sei o sexo ainda)
Procurando informações encontrei seu blog e estou navegando e adorando.

Acabei lembrando de uma coisa que me ajudou muito na primeira gestação.Nas listinhas de compras de enxoval tem sempre mil paninhos, panhinhos de boca, paninhos para arrotar, para isso para aquilo e minha mãe mandou fazer 2 tipos de paninhos muito legais e que me ajudaram bastante:
1- painho para os meus seios. Eu produzi uma quantidade de leite enorme, nada dava conta de contar e meu peito ficava minando leite que eu nao dava conta de tirar, era muito mesmo. Esse paninho era feito com, varias camadas de fralda de pano, bem acolhoadinho e eu passava o dia com ele nos seios. Isso me ajudou muito, eu tentei conchinhas, toalhinas(grudavam no bico e doia) e essas fraldinhas eram ótimas.

2- Outra coisas foi a fraldinha de bumbum que eu fiz umas 5 só( na verdade eu separei uns paninhos de boca para isso) E usava todas as vezes que ia limpar o bumbum do bebe.Eu limpava com algodão e agua e como sempre ficava molhadinho eu secava com o paninho de bumbum...Essa dica foi do pediatra, que falou que era ótimo deixar paninho SÓ para limpeza do bumbum por ser mais higienico.

bjs
Kaka