terça-feira, 1 de junho de 2010

A culpa é da babá

Essa é boa demais!! Vou replicar a matéria que estava hoje de manhã em destaque no UOL, repercutindo o site Minha Vida. Agora está tudo explicado!

Livro diz que bebês criados por babás se tornam mulherengos
Presença de outra mulher na vida do bebê estimula lado conquistador na vida adulta

Se os dilemas em torno da figura da babá sempre foram em relação à substituição do papel da mãe ou dos cuidados com os bebês, hoje a polêmica é outra.
No livro The Unsolicited Gift, do psiquiatra inglês Dennis Friedman, reeditado recentemente pela Arcadia Books, o convívio entre babás e bebês é retratado sob um ângulo totalmente diferente.
Para Friedman, bebês que ficam desde muito cedo sob os cuidados de uma babá têm grandes chances de se tornarem mulherengos na vida adulta. Segundo ele, isso acontece porque a presença da babá introduz no inconsciente da criança o conceito de uma "outra mulher" que supre todas as suas necessidades, já que ela passa mais tempo com ela do que a mãe biológica.
O psiquiatra diz ainda que a fixação do afeto por duas mulheres na infância estimula a manifestação dos desejos dos bebês, quando adultos, pela vida dupla, fazendo com que eles tenham mais dificuldade em se relacionar com uma única pessoa.
Para Friedman, o único modo de minimizar isso é não colocar babás para cuidar das crianças pelo menos até o primeiro ano de vida, período em que tal propensão é criada no inconsciente do bebê.
Como isso é praticamente impossível para muitas mães que trabalham o dia todo e nem sempre contam com a ajuda de parentes por perto, o jeito é se preparar para receber milhares de ligações de moças apaixonadas querendo falar com o seu filhão.

18 comentários:

Sarah disse...

Nossa, acabei de ler essa reportagem e achei um absurdo! Engraçado que o tal psiquiatra não fundamenta sua conclusão, não diz se fez uma pesquisa, com quantas pessoas...
Não tenho babá, Bento fica na escolinha, mas esse argumento é ridículo e superficial demais!
um beijo!

Din disse...

Hahahahahaha! E quem é criado pela avó vira gay? É o mesmo psiquiatra? Como tem gente estranha no mundo...

Ana - Viajar é tudibom! disse...

Olha... eu acredito sim! kkkk
tenho um sobrinho que foi praticamente criado pela babá e é um tremendão! rsrsrs
ótima matéria.
Bjos

Nine disse...

Credo, que coisa mais ridícula! Como se somente os homens fossem criados por babás...e as meninas? Vão ser homerengas também??? Vão virar lésbicas ou algo parecido? Tem cada uma viu...é não ter mais o que fazer...tsc...tsc...Agora o psiquiatra (homem, claro!) quer dar mais uma desculpa para a falta de compromisso de alguns homens, e para variar colocar toda a culpa na mãe...sim, porque se a criança tem babá é porque a mãe não está ali para cuidar...mais uma para a nossa imensa lista de culpas, ninguém merece!

Lia disse...

É cada uma que esses fróides inventam...

Sofia Oliveira disse...

oi Roberta, adoro e sempre acompanho seu blog!
Nossa, que loucura essa reportagem. Então se o Bebê ficar na creche com 2 professoreas e 2 cuidadoras ele vai ter vida quádrupla quando adulto? Coitada da minha futura nora..eehehe

Carol Garcia disse...

quando li a amtéria pensei exatamente a mesma coisa que a sofia...
isaac fica na escolinha com duas "tias". tem dias da semana que fica integral então são 4 "tias". devemos concluir o que com isso então?
affff
segura esse moleque!
bjo bjo
carol
vajandonamaternidade.blogspot.com

Renata disse...

hahaha, fala sério. Os valores que a gente passa, o exemplo que vê em casa, nada disso importa. Só o que importa é ter tido babá no primeiro ano de vida...Demais mesmo! rsrsrs!
beijo

Paty disse...

EU vi esta reportagem e nao acreditei... bjs!!!!!

Mari disse...

Adorei o comentário da Nine! No fim das contas, ÓBVIO, a culpa de tudo é da mãe! Pobres homens mulherengos...
É cada coisa, viu?

Micheli disse...

kkkk! Tem cada louco nesse mundo...!

Chris Ferreira disse...

Nossa cada uma, adorei os comentários.
O meu marido não foi criado por babá. Será que não corro risco?
beijos
Chris
http://inventandocomamamae.blogspot.com/

Camila disse...

Que faz sentido, faz, mas... será??? Medo!!!
Bjos,
Camila
www.mamaetaocupada.blogspot.com

Laura disse...

Será que já não temos dilemas suficientes no momento em que voltamos a trabalhar ?

Essa é mto boa.....

Mamma Mini disse...

bizarro... meu filho tá ferrado....rs
passa lá no blog! adoro passar aqui...bjs

piscardeolhos disse...

ah! isso então explica o comportamento de um ex-namorado meu, tadinho!
sei.

Dani disse...

Hahaha... e eu que passei tanto tempo odiando uns 02 ou 03 ex namorados... coitados, a culpa não era deles!

Patrícia Boudakian disse...

ai, rô, não acredito nisso! hahahaha
será? olha, eu não concordo muito não! e enquanto lia tive uma dúvida, e as meninas que são criadas por babás? pensei uma coisa mas não vou escrever aqui.
***
probleminha resolvido, né?

beijo beijo