quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Beijinho que sara

Sempre que a Luísa leva uma pancada e chora, eu faço aquela clássica tática de mãe: dou um beijinho pra sarar. E ela para de chorar.
Outro dia ela olhou para uma pinta que eu tenho no pulso e falou: "ete dodói, mamãe?" Antes que eu respondesse que aquilo era uma pinta, ela pegou a minha mão e deu um beijinho.
Acho que vou falar pra ela que todas as sardas do meu rosto são dodóis.

2 comentários:

Cath disse...

Adoro a tática do beijo que sara!!! Quando era pequena usava muito com minha mãe e minha avó e espero fazer muuito com o Matheus!!!
Bjs e chutinhos para vc e para a Luísa

Paloma disse...

Ah, Roberta, carinho de filho é tudo de bom. Vou te linkar lá no meu espaço, pra acompanhar melhor teu cotidiano com a pequena. bjo
Paloma e Isa