quinta-feira, 30 de julho de 2009

O mico do aplicador

Tempos atrás, a Luísa teve uma espécie de "sapinho" nas genitais, na parte externa. Provavelmente algum fungo que pegou na areia da praia ou piscina. E a pediatra receitou para passar no local uma pomada vaginal (Micostatin), daquelas que mulheres usam com aplicador interno.
A Luísa evidentemente não usou os aplicadores, que nada mais são do que tubinhos de plástico, e eu acabei guardando a caixinha. Dia desses, quando fui fazer uma faxina na caixa de remédios, em vez de jogar fora, dei os aplicadores pra Luísa ficar brincando.
Sei que eles viraram até vela de bolo de massinha (tinha uns 10 na caixa, acho). Como eu tinha comprado a pomada pra Luísa, eu nem me toquei muito que aquilo era um objeto um tanto... íntimo, se assim posso dizer.
Eis que fomos passear no shopping Iguatemi num dia de chuva da semana passada. Minha vizinha e uma amiga dela também levaram as crianças. Luísa, é claro, com sua bolsinha a tira-colo. Em um determinado momento, Luísa deixa cair a bolsinha no chão e tudo o que estava dentro começa a rolar no chão do shopping: celular de brinquedo, chupeta, escova de cabelo...
De repente, minha vizinha olha pra minha cara e começa a rir: aplicadores vaginais rolavam pelo Iguatemi, o shopping mais chique de São Paulo.
Eu fui ficando roxa, roxa... e saí catando tudo rapidinho, tratando de explicar o que aqueles aplicadores estavam fazendo na bolsa da Luísa... Mais um mico pra lista.

13 comentários:

Cris disse...

A-D-O-R-O!!!!

Cissa disse...

hehehehehe

Si Collet disse...

que situação! hihihihihihi mas ainda bem q foi assim né! imagina se ela faz isso num dia d festa d criança fincando a suposta vela no bolo de verdade?

Paloma, a mãe disse...

Ahahahahaha! Essa foi boa!

Patrícia Boudakian disse...

hahahahahaha muito boa essa. coisas de mãe... rs

Mãe do Pitoco disse...

hahahahahahahaha Amei a história hahahahaha Beijos nas duas. Eu, quando era pequena, adorava cantar usando um vibrador que minha avó ganhou de presente de inimigo oculto depois que ficou viúva. hahahahaha Mas só soube o que era uns 10 anos depois hahahaha Beijos

Tathy disse...

kkkkkkkkkkkkkkkk King Kong!!!!

Bjkas

Dani disse...

Rô, fiquei só imaginando a cena daqui...os aplicadores vaginais descendo rampa abaixo no Iguatemi! Morri de rir! Beijo! Dani

Renata disse...

hahahahahah. Adorei! Morri de rir aqui!

dannah5 disse...

Hhehe o pior eh q essas coisas acontecem tao naturalmente! Aqui em casa tudo vira brinquedo tbm, a Hannah entao q esta na fase de colocar tudo na boca iria adorar ficar chupando isso!
Mas ela eh muito chique pq ela carrega a bolsinha dela, a minha de 3 nao guenta 10 min com a dela e passa a bola pra gente, acho q ela nao tem muito jeito pra dama!hehe

beijocas, adorei o mico! :D

Claudia disse...

Hahahaha. Meu sobrinho uma vez agarrou-se em um pacote de Carefree daqueles cheirosos no mercado. E quando minha cunhada foi pagar, ele abraçou a embalagem furioso e gritou: "eu fico com o cheirosinhooooo".
Criança é mesmo muito engraçada...

Glau disse...

hahahaha...ótimoooo!!! Bjão pros três!!!

Fabiana disse...

Eu chorei de rir ao ler esse post, nunca li nada tão engraçado na vida.